Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

JOVENS DE CHARQUEADAS, VENCEDORES DA INFOMATRIX CONTINENTAL FAZEM VAQUINHA PARA APRESENTAR PROJETO NA ETAPA MUNDIAL

Compartilhe:
img_20180314_121449752

Eles são os autores do projeto Lembrar – Software Auxiliar de Estímulo à Memória para Portadores de Transtornos Neurodegenerativos e ex-estudantes do IFSul de Charqueadas.

 

Depois desta conquista, Cassio Lacerda da Costa e Eduarda Soares Serpa, criaram uma vaquinha virtual para arrecadar recursos que viabilizarão a apresentação do trabalho na Informatrix Mundial, feira que ocorre na Romênia. O projeto tem orientação do professor Maurício Escobar.
Os estudantes garantiram vaga ao participarem da Informatrix Continental, feira, no México onde classificaram o trabalho em primeiro lugar na categoria Desarrollo de Software e obtiveram o credenciamento para o evento Mundial. Devido aos altos custos da viagem, o grupo pede a ajuda para alcançar o valor que será empregado no deslocamento, inscrição e estadia.
Quem quiser colaborar na Vaquinha Virtual, deve acessar ao link da campanha: https://www.vakinha.com.br/vaquinha/ajuda-o-projeto-lembrar-a-chegar-na-romenia. Contatos com o grupo, através dos telefones (51) 99513-1211 ou 99400-9970. Facebook: https://www.facebook.com/softwarelembrar/ E-mail: softwarelembrar@gmail.com
O PROJETO – A tecnologia vem sendo muito utilizada para tratamentos de doenças neurodegenerativas, obtendo grande importância no ramo da medicina. Doenças neurodegenerativas são aquelas nas quais ocorre destruição progressiva e irreversível de neurônios, as células responsáveis pelas funções do sistema nervoso, sendo a Doença de Alzheimer a mais comum entre todas. Dados da Associação Brasileira de Alzheimer (ABRAz, 2012) informam que existem cerca de 1,2 milhão de casos da doença em todo o país, sendo que apenas 50% desses procuram algum tipo de tratamento.

Esse projeto pretende auxiliar as pessoas portadoras de transtornos neurodegenerativos que se relacionam diretamente com a perda de memória ou à regressão da capacidade de raciocínio lógico e cognitivo. O objetivo é desenvolver um software que, através de exercícios personalizados, ajude a retardar ou aliviar ao máximo os principais sintomas dessa doença, apresentando atividades voltadas para a exercitação da memória do indivíduo e assim ajudando os portadores da doença e aqueles ao seu redor.

Os jovens explicam que realizando uma pesquisa inicial para aprimoramento sobre a doença de Alzheimer, foi feita uma revisão bibliográfica para definição de conceitos que encadearam o projeto. Após isso, com base nos conhecimentos na área da programação, foram empregadas as linguagens JAVA e SQL para realização do software na plataforma Mobile, utilizando os laboratórios disponíveis no campus para desenvolvimento do mesmo, resultando em um sistema repleto de exercícios que estimulam as reações cognitivas dos usuários. Estimulando a atenção, concentração e, principalmente, a memória do indivíduo, o software é capaz de auxiliar no tratamento dos sintomas, exercitar o sistema cognitivo e ocupar a mente com inúmeras atividades que, de acordo com seu uso, tem seus resultados coletados na área de rendimento, onde é possível analisar e comparar os efeitos dos exercícios. Palavras chaves: Transtornos Neurodegenerativos, Estímulo à memória e Doença Alzheimer.img_20180314_121449752

Deixe seu comentário: